“Com cautela”, diretor da McLaren confia em evolução para 2018

Uma das grandes expectativas para a temporada 2018 da Fórmula 1 diz respeito ao rendimento da McLaren após anos de insucesso e desempenho abaixo do esperado. Nos primeiros testes, alguns problemas detectados no ano passado voltaram a aparecer no carro, mas Alonso, ainda assim, conseguiu realizar boas voltas, sendo um entre os três pilotos girando abaixo de 1min18.




“Quando Fernando (Alonso) atravessou a linha e viu seu tempo, posso garantir que ele estava feliz no rádio! Ele está em bom estado de espírito. Esse é o impulso que precisamos antes de Melbourne”, disse Éric Boullier, dirigente da McLaren, a Sky Sports.

McLaren alterou o motor de 2018, assinando com a Renault (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)




O membro da escuderia se mostrou confiante no potencial da equipe com o novo motor da Renault, mas admitiu que as primeiras provas podem ter um rendimento abaixo do esperado, até que todos se adaptem a mudança no chassi e às transições necessárias. Segundo ele, tudo está sendo feito “com cautela”.

“Queremos ser competitivos e temos um design de projeto ambicioso. Podemos ver que é um carro diferente. Estamos trabalhando para entender a refrigeração, nos adaptar e resolver os problemas. Nos últimos três anos vivemos um contexto difícil, estamos tentando fazer a McLaren voltar a ser o que era. E isso não é feito de um dia para outro. Garanto que não perdemos a habilidade de criar carros rápidos”, ressaltou.

Mesmo com as alterações no carro, o diretor revelou que ainda não é possível se colocar em pé de igualdade com Ferrari, Mercedes e Red Bull. A expectativa inicial de Boullier é de que a McLaren brigará com outras equipes em busca de uma evolução, mas não em nível tão elevado em uma primeira temporada com os novos motores.

“A luta na parte cima ainda deve ser entre Mercedes, Ferrari e Red Bull, mas me parece que outras equipes também progrediram, como a Renault e a Haas. O grupo será mais recheado, com mais equipes e acho que estaremos no meio disso tudo. Acho, sim, que seremos competitivos na Austrália”,




O post “Com cautela”, diretor da McLaren confia em evolução para 2018 apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Fonte: gazetaesportiva.com
Author: Mateus Videira da Silva

Postado por: estadio