Flamengo não toma conhecimento e passeia frente ao Universo/Brasília

A tarde deste domingo reservou emoções para os fãs de basquete. É que o Universo/Brasília foi até a cidade do Rio de Janeiro para enfrentar o Flamengo. No entanto, o rubro-negro carioca não tomou conhecimento dos candangos e deu um passeio: 97×54.




O primeiro quarto foi comandado por Anderson Varejão, que anotou dez dos 12 pontos tentados. Pelo lado do Universo, Rafa Moreira fez sete pontos. Mas com o aproveitamento baixo no período, os cariocas fecharam na frente: 27×11.

O segundo período serviu para o Flamengo rodar o time e Balbi e Marquinhos aproveitaram para comandar as ações. Os dois juntos somaram 11 pontos, quase o número obtido pelo Universo/Brasília no quarto: 12. Mesmo com os sete pontos de Nezinho, o Flamengo foi para o intervalo na frente: 45×23.




A volta dos vestiários foi de ação coletiva do Flamengo. Quatro jogadores marcaram cinco pontos, cada: Jhonatan, Marquinhos, Olivinha e Balbi. Do lado candango, Nezinho fez seis pontos. O rubro-negro se manteve na frente, por 70×36.

Com o jogo praticamente resolvido, o técnico Gustavo de Conti decidiu dar rodagem aos jogadores que ficam no banco de reservas. Nesbitt fez seis pontos e Olivinha mais cinco. O Universo/Brasília acertou 38% de chances, convertendo 18 pontos, seis deles marcados por Pedro Mendonça. No fim das contas, vitória do Flamengo por 97×54.

Olivinha fez um duplo-duplo na partida, dominada praticamente toda pelo Flamengo – Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

O cestinha da partida foi Olivinha, do Flamengo, com 20 pontos. Além disso, o camisa 16 carioca anotou 14 rebotes, conquistando um duplo-duplo. Outro destaque rubro-negro foi Marquinhos, com 16 pontos. O maior pontuador do Universo/Brasília foi Nezinho, com 13 pontos.

Na última rodada da primeira fase, o Universo/Brasília vai até Belo Horizonte/MG para jogar contra o Minas Tênis Clube. O Flamengo recebe o Basquete Cearense. Todos os jogos acontecerão nesta terça-feira (26), às 20h.




Fonte: esportesbrasilia
Author: Rener Lopes

Postado por: estadio